Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Projeto Conviver: Exercitando o Diálogo na 8ª Região Fiscal

Notícias

Projeto Conviver: Exercitando o Diálogo na 8ª Região Fiscal

Turma projeto Conviver

Turma projeto Conviver

O Projeto Conviver é uma iniciativa de capacitação integrante do Programa de Desenvolvimento Humano da 8ª Região Fiscal, elaborado e desenvolvido com a participação do Centresaf/SP, envolvendo 620 participantes, distribuídos em 11 turmas na capital e 19 no interior, abrangendo as delegacias e alfândegas.

O Conviver é um mergulho prático e conceitual em ferramentas de comunicação e de autoconhecimento, como o Diálogo de David Bohm, a CNV (Comunicação Não-Violenta) e a Pedagogia da Cooperação, aplicadas para a promoção de boas relações no trabalho.

Com a premissa de servir como estímulo à reflexão pessoal sobre o papel de cada um na melhoria do clima organizacional, o Projeto Conviver tem como objetivo a promoção do diálogo sobre Cooperação, Integração e Harmonia, buscando resgatar nos servidores o sentimento de pertencimento à Receita Federal.

Os 11 primeiros Workshops serão realizados até o dia 6 de setembro no edifício sede do Ministério da Fazenda em São Paulo. O primeiro, com aprovação de 98,7% dos participantes, ocorreu no período de 31 de julho a 2 de agosto.

A abertura foi feita pelo superintendente-adjunto da 8ª Região Fiscal, auditor-fiscal Marcos Fernando Prado de Siqueira, e pelo diretor do Centro Regional da Escola de Administração Fazendária em São Paulo (Centresaf/SP), procurador da Fazenda Nacional Marcos Antônio Oliveira Fernandes. Também participou da abertura do evento o coordenador pedagógico do Projeto, Adriano Galhardo Pedroso.

"Depositamos muita importância neste projeto e esperamos que melhore o nosso convívio. Vim dar as boas-vindas a vocês", disse, inicialmente, o superintendente-adjunto da 8ª Região Fiscal. "Que vocês possam usar o espaço visando a cooperação, a integração e a harmonia, por intermédio das ferramentas que serão apresentadas", continuou Marcos Antônio Oliveira Fernandes.

"Estamos bem felizes por vocês estarem aqui hoje. Acreditamos na força, no poder que existe em nós, seres humanos, para a gente se conectar de maneira boa, saudável, produtiva. É uma condição da nossa maneira humana. Vocês serão convidados a exercitarem isso por meio de ferramentas, instrumentos e algumas metodologias que serão úteis para melhoria e manutenção das relações humanas plenas, saudáveis e satisfatórias", complementou o coordenador pedagógico Adriano.

Ao longo dos três dias de atividades, foram abordados os conceitos de cooperação em rede, ética do diálogo, conversas significativas e comunicação não-violenta, através de dinâmicas e vivências individuais, em dupla e em grupo. Os trabalhos foram conduzidos pelos facilitadores Marina De Martino Roberto e Eric Ramos Pasquati.

O segundo e o terceiro workshops já estão ocorrendo nesta semana, também no edifício-sede do Ministério da Fazenda.

Fonte: Centresaf/SP

registrado em: